O BLOG DO SR SIAPE, possui mais de 300.000 assinantes, ASSINE, cadastrando–se, e receba notícias de interesse dos Servidores Federais | Política de Privacidade

Dilma sanciona lei que aumenta limite de desconto do Crédito Consignado

Limite de desconto mensal foi ampliado de 30% para 35% da renda.
5% serão reservados exclusivamente para pagamento do Cartão de Crédito.

O limite do Crédito Consignado – descontado mensalmente da folha de pagamento do trabalhador, aposentado ou pensionista – foi ampliado de 30% da renda para 35%. A mudança já estava valendo por meio de uma . Nesta quinta-feira (23), o novo limite virou lei, porque foi sancionado pela Presidente Dilma Rousseff e publicado no “Diário Oficial da União”.

De acordo com o texto, esse percentual a mais, de 5%, só poderá ser usado para bancar as despesas com Cartão de Crédito. Ou seja, além de o trabalhador poder pedir um crédito ao banco equivalente até 30% do que ganha por mês, como antes, ele também poderá comprometer mais 5% do seu salário para pagar suas dívidas com cartão de crédito, que tem taxas de juros muito mais altas.

Uma pessoa que recebe R$ 2.000 por mês antes podia comprometer com empréstimo em folha até R$ 600 (30%). Com a nova regra, esse valor sobe para R$ 700 (35%), e desse total, R$ 100 só podem ser usados para pagar as dívidas do cartão de crédito.

A regra também vale para aposentados e pensionistas. Atualmente, segundo o Ministério da Previdência, 3,9% deles têm contratos de empréstimos consignados – 1,013 milhão de contratos só para quem recebe do INSS.

No final de maio, a presidente Dilma Rousseff havia vetado o aumento do limite de crédito consignado de 30% para 40% da renda do trabalhador. Na ocasião, a presidente argumentou que “sem a introdução de contrapartidas que ampliassem a proteção ao tomador do empréstimo, a medida proposta poderia acarretar um comprometimento da renda das famílias para além do desejável e de maneira incompatível com os princípios da atividade econômica”.

Quase metade da renda das famílias brasileiras está comprometida com dívidas, segundo dados divulgados recentemente pelo Banco Central. O endividamento das famílias chegou a 46,3% em abril, o maior percentual desde o início da pesquisa, em 2005. A conta considera o total das dívidas das famílias em relação à renda acumulada nos últimos 12 meses.

Economistas e especialistas em finanças pessoais costumam criticar a ampliação do limite de endividamento dos trabalhadores. Dizem que isso cria a ilusão de que as pessoas terão mais dinheiro, em um momento em que a economia está praticamente estagnada e há ameaça de aumento do desemprego. Eles alertam para o risco de crescimento das dívidas das famílias.

INSS
No ano passado, o Ministério da Previdência decidiu ampliar o prazo máximo de pagamento de empréstimo consignado para os aposentados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). O número limite de prestações mensais para pagamento de empréstimo pessoal e cartão de crédito subiu de 60, equivalente a cinco anos, para 72, ou seis anos.

 

DICA DO SR SIAPE:

Nosso Patrocinador 11PONTO11, informou que, está enviando e.mail para que você faça sua Pré-Reserva.

Não perca esta oportunidade.

Acesse:     www.seucreditonoclick.

 

Fonte:  G1 em São Paulo

 

shutterstock_167248031

 

Oferta do Mês

Não espere mais para ter o sorriso bonito e saudável! Plano Amil Dental com documentação ortodôntica e preço especial para Servidores Federais e seus familiares! Possibilidade de reembolso integral. Ligue para 0800 780 1111 / 0800 607 1111 ou Fale agora no chat. Amil Dental
Publicidade. As taxas de consignado baixaram só aqui! Seu Crédito no Click
Publicidade. Ganhar benefícios por agendar seus seguros? Sim! Agende agora! Seu Seguro no Click

Arquivo

Show Buttons
Hide Buttons